Mais de 300 pessoas assistiram 'Era só mais um Silva'

QUEIMADOS - “O dia amanhece, ruas e vielas começam a tomar vidas, pessoas comuns deixam seus lares para garantir o pão de cada dia. Cada um de sua maneira, cada um dando seu jeito para sobreviver nessa imensa selva de pedras”. O trecho faz parte do enredo da peça “Era só mais um Silva”, que contou com a presença de mais de 300 pessoas neste sábado (25) na lona do Circo Social Baixada, em Queimados. O espetáculo contou a história de jovens que vivem com as dificuldades na Baixada Fluminense e lutam diariamente para garantir o sustento de maneira digna sendo artistas de rua. 

Ao longo da peça, quase cem alunos do projeto “Um trampolim para inclusão”, patrocinado pela Petrobras e apoio da Prefeitura de Queimados, demonstraram suas habilidades circenses com malabares, monociclos, acrobacias em camas elásticas e pernas de pau. O secretário municipal de Cultura, Marcelo Lessa, falou sobre o interesse de manter a parceria com o projeto sua importância para os jovens da cidade. “Nossa intenção é manter sempre essa parceria que vem dando certo. O Circo Social Baixada é importante por manter muitas crianças e jovens longes das ruas, além de oferecer atividades circenses”, disse, acompanhado da subsecretária de Cultura, Michele Langer. 

“Era só mais um Silva” acontece todos os anos e dessa vez contou com a parceria da Faetec de Nova Iguaçu, que trouxe alunos dos cursos de maquiagem, operador de som, camareiras e contra regras. “A presença deles foi fundamental, porque nos ajudaram muito. Esperamos contar sempre com a essa parceria. O espetáculo ficou lindo e espero que todos tenham gostado”, contou a superintendente da Associação Circo Social Baixada, Nilcelene Moreira.

Criado em 2002, o Circo Social Baixada foi desenvolvida para acolher jovens sob vulnerabilidade social oriundas do conselho tutelar e de abrigos do município e usar as artes circenses como inclusão social e entretenimento. Atualmente, o projeto atende cerca de 250 crianças que têm oficinas de circo, teatro e dança, de segunda a sexta-feira, nos horários da manhã e da tarde. O Circo Social Baixada fica na Rua O, n° 2597 - Vila Camorim. Telefone para informações: (21) 2663-2170.



Via PMQ
28/10/2014

0 comentários :

Postar um comentário