Aeroclube reúne apaixonados por aviões em Queimados

QUEIMADOS - Todo menino, pelo menos uma vez em sua infância, brincou de ser aviador. E para alguns, essa paixão nunca passou. Esse é o caso do aeroclube Ninho do Tucano, que reúne cerca de 20 apaixonados por aviões para pilotarem e se divertirem com o hobby. No último sábado (11), parte do grupo se encontrou na Vila Olímpica de Queimados para ocupar os céus da cidade com vôos e acrobacias dos pequenos aviões e fazer um reconhecimento de campo. O clube vai realizar em parceria com a Secretaria de Cultura um evento para a modalidade no dia 16 de maio, no mesmo local, onde só poderão participar habilitados pelo aeroclube, pois à pratica exige experiência a fim de evitar riscos.

O secretário de Cultura, Marcelo Lessa, explica que a paixão é uma brincadeira séria. “Os adeptos da aviação levam seu lazer a sério. São modelos elétricos e de combustão que exigem prática, habilidade e tempo para habilitação. Vamos realizar o evento aqui no município para apresentar às crianças e adultos a modalidade e dar mais uma oportunidade de entretenimento para os queimadenses. No dia 16, vamos ocupar o céu da cidade, mas, por haver riscos, somente poderão voar nesse dia os habilitados pelo aeroclube. No entanto, todos estão convidados. Acreditamos que cuidar da mente traz qualidade de vida ao cidadão, e dessa forma atingimos a missão que o Prefeito Max Lemos nos deu de cuidar da nossa população”, frisou.

O reconhecimento de campo também contou com a presença do Secretário de Cultura de Japeri, Marcio Rodrigues, que veio acordar a realização do evento em seu município. “Fiquei animado com o convite do Marcelo e vim conferir de perto a aviação em miniatura. Vamos nos organizar e fechar parceria com Queimados e com o aeroclube para realizar também o evento em Japeri. Parabenizo o município por sempre investir em iniciativas criativas e lúdicas para a cidade”, comentou.

O presidente do aeroclube, Edelson Martins, explicou como se habilitar para realizar a prática. “A primeira coisa a fazer é praticar com um simulador, que é como um jogo no computador. Lá o aspirante pode treinar como são todos os comandos, sem nenhum risco. Após entender como funciona um vôo, ele deve passar para os treinamentos supervisionados por alguém já habilitado e em local deserto, para evitar acidentes. É de extrema importância que o aviador tenha experiência, pois podem haver riscos para vôos de inexperientes, até mesmo de morte. Por isso, no dia do evento, só habilitados poderão voar. Mas convidamos a todos a conhecerem a prática e se apaixonarem conosco.


Via PMQ
15-4-2015

0 comentários :

Postar um comentário