Queimados sedia I Festival de Arte Marcial Chinesa da Baixada Fluminense

QUEIMADOS - O município de Queimados, na Baixada Fluminense, esta se tornando uma referência nas atividades que difundem a tradicional cultura das artes marciais chinesas. Após realizar o I Seminário de Artes Marciais Chinesas na Baixada Fluminense – no último mês de fevereiro –, agora será a vez do I Festival de Arte Marcial Chinesa da Baixada Fluminense, em 18 de abril, às 18h30, no Teatro Municipal. O evento apresentará diversas modalidades do folclore chinês. O município já sediou vários campeonatos, como o IV Campeonato Estadual de Kung Fu, Tai Chi Chuan e Lian Gong, além de outros encontros da modalidade, e já levou idosos dos pólos de atividades físicas para representarem o Estado em eventos nacionais como o Campeonato Brasileiro de Kung Fu e Panamerican Tournament Shuai Chiao 2014, em São Paulo.

O evento irá expor a cultura e o folclore chinês, como as danças do Dragão e do Leão Chinês, Kung Fu Tradicional (Defesa Pessoal Feminina e Chi Gung), além do Tai Chi Chuan e Lian Gong, com a apresentação de 20 idosos que fazem parte do pólo de esportes para a terceira idade no município. Para o Prefeito Max Lemos é uma satisfação poder, mais uma vez, quebrar paradigmas ao prestar serviços de qualidade para a população. “Realizar este encontro, além de difundir uma arte milenar, trata-se de um interesse público ao valorizar a disciplina, equilíbrio e qualidade de vida para os idosos do município”, afirma o prefeito. Para o secretário municipal da Terceira Idade, José Alves de Carvalho – o Dequinha, o município vem se notabilizando nas políticas voltadas para o bem estar da população, sobretudo da terceira idade. “E no que se refere a eventos voltados para as artes marciais não é diferente. Este seminário vem de encontro às determinações do prefeito Max Lemos que é de cuidar das pessoas”, disse Dequinha.

O seminário, de iniciativa da Prefeitura com a coordenação da Secretaria Municipal de Terceira Idade, também conta com a parceria das secretarias municipais de Esporte e Lazer, Educação e Cultura, além da Federação de Kung Fu Kuoshu Wushu Garra de Águia do Estado do Rio de Janeiro (FKFWKGAERJ), com apoio do Mestre Serpio de Oliveira. De acordo com o subsecretário municipal da Terceira Idade e coordenador do evento, Professor Antônio Amorim, o que caracteriza o festival é justamente a necessidade de demonstrar a arte milenar após todos estes eventos mais didáticos. “Primeiramente organizamos um seminário para fortalecer e categorizar a arte, agora faremos belas apresentações no teatro para mostrar como funciona e como é bonita”, explica Amorim. A professora Maria Silva, que dá aula de Tai Chi Chuan para cerca de 30 idosos que se apresentarão no evento, a turma está bem motivada e fará uma bela apresentação. “Até quem tem problemas ósseos está fazendo um ótimo trabalho com muito esforço. O Tai Chi Chuan rejuvenesce, desbloqueia e desenvolve a coordenação, é muito importante para os idosos”, destaca a professora.

Sobre a arte milenar

A arte marcial é considerada uma grande riqueza chinesa e é também patrimônio mundial. É comum encontrar apaixonados por esta cultura, divulgando-a pelo mundo todo. Hoje em dia, em especial os estilos de luta, tornaram-se populares por aparecem em filmes de ação, escolas de artes marciais, concursos de esportes ou como um tipo de show nos templos. Muitos estudiosos creem que as artes marciais chinesas têm uma origem na sociedade primitiva, que eram praticadas como um tipo de proteção na luta com os animais.

Atualmente, as artes marciais chinesas têm dois estilos principais: estilos externos e estilos internos. Estilos externos são o que a maioria das pessoas associa com as artes marciais chinesas. Os estilos são geralmente rápidos e explosivos, com foco na força física e agilidade. Algumas representações desses estilos são Shaolin Quan, Kung Fu, Zui Quan e Nan Quan. Por outro lado, estilos internos focalizam primariamente nos elementos internos, como a concentração, a consciência de espírito, da mente e do potencial interno. Exemplo dessa modalidade são o Tai Chi Chuan, Lian Gong e o Xing Yi Quan.


Via PMQ
16-04-2015

0 comentários :

Postar um comentário