Promoter de eventos é preso por suspeita de matar motorista de ônibus na Baixada

Rafael Mazziotti de Oliveira Alves, conhecido como Mazola, é suspeito de matar o motorista de ônibus Vitor Lima Mesquita, em abril de 2014 Foto: Reprodução Facebook
QUEIMADOS - Policiais da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) prenderam, na manhã desta quinta-feira, o promoter de eventos Rafael Mazziotti de Oliveira Alves, de 36 anos, conhecido como Mazola, suspeito de matar o motorista de ônibus Vitor Lima Mesquita, de 32, em abril de 2014. De acordo com investigações da Polícia Civil, o motivo do crime foi por causa de uma briga envolvendo o transporte irregular de ônibus em Queimados, também na Baixada Fluminense. O crime ocorreu na cidade.

Mazola foi preso no bairro da Posse, em Nova Iguaçu, em uma casa onde morava de aluguel há um mês. Ele não resistiu à prisão. O suspeito já teve a prisão preventiva decretada pela Justiça.

Preso em 2014

Rafael Mazzioti já tinha sido preso em setembro de 2014 por porte ilegal de arma de uso restrito. Mas foi solto meses depois.

Ele promovia festas em boates de Nova Iguaçu. Uma delas era denominada de Magnatas. Rafael vivia ostentando fotos com celebridades musicais nas redes sociais. O suspeito é irmão de um ex-fisioterapeuta do Corinthias e que atualmente está na comissão técnica da seleção brasileira olímpica.
Rafael Mazziotti de Oliveira Alves, de 36 anos, conhecido como Mazola, estava sendo procurado pela polícia Foto: Divulgação

Via Extra
04/08/2016

0 comentários :

Postar um comentário