Mandato de novos conselheiros tutelares já começou em Queimados

QUEIMADOS - A gestão dos novos conselheiros tutelares, que cuidam das situações de vulnerabilidade infantil, já começou em Queimados. Na manhã do último domingo (10) o Prefeito Max Lemos deu posse aos nove eleitos pelo pleito popular em outubro do ano passado. Os escolhidos pelos mais de 3 mil votos, cinco titulares e quatro suplentes, que têm a missão de representar a sociedade civil no cuidado com as crianças e adolescentes pelos próximos quatros anos (gestão 2016/2020), tiveram que passar por um curso de formação de caráter eliminatório para se tornarem aptos à posse. A cerimônia aconteceu no auditório da escola Leopoldo Machado.

As atribuições do conselho tutelar são regidas pelo artigo 136 do Estatuto da Criança e do Adolescente, que prevê atender ao público infantil para requisição dos serviços públicos de saúde, educação, assistência social, trabalho e segurança. Segundo a presidente do conselho da criança e do adolescente (CMDA), Nilcelene Moreira, o próximo passo é a construção do regimento interno para melhorar o acesso do usuário à estrutura. “Já, inclusive, implantamos um telefone de plantão para a população. Qualquer caso de denúncia pode ser feito no 2665-1221 ou 998874915, que funciona 24h”, explicou.

O prefeito Max exigiu responsabilidade aos novos conselheiros e garantiu que os esforços do governo, mesmo em crise econômica, é assegurar que os serviços de base para a população, especialmente as crianças, estejam a todo o vapor. “A responsabilidade dos conselheiros dobra na medida em que eles foram eleitos pelo povo e eu confio que a voz do povo escolheu o melhor para as nossas crianças”, declarou.

São os conselheiros: Rosângela Santana, Marta Chaves da Fonseca, Erik Vieira, Marcela Carvalho, Thiago Vieira. O conselho ainda conta com os suplentes Alessandro Mota, Renata Marcela, Vinicius Santos e Antônio de Assis.



Via PMQ
11/01/2016

0 comentários :

Postar um comentário