Casa própria para as famílias ribeirinhas

QUEIMADOS - O Prefeito de Queimados, Max Lemos, visitou na última quarta-feira (04), a obra dos 106 apartamentos do Condomínio Eldorado I, construídos com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), através do Fundo Nacional de Interesse Social (FINIS). A região vai contar ainda com mais 290 unidades divididas entre os Condomínios Habitacionais II e III. Diferente do Programa Minha Casa, Minha Vida, as moradias deste pacote serão gratuitas e direcionadas à população ribeirinha, que foi obrigada a deixar suas casas após as chuvas de dezembro de 2013.

Depois da maior catástrofe natural já registrada na história do município, um temporal de 113 milímetros, os moradores que viviam em áreas de risco e às margens dos rios deixaram suas casas e foram cadastrados no aluguel social até serem reassentados para o Condomínio Habitacional. Dividido em 28 blocos, ao todo, serão três modelos de apartamentos: 45m² e dois quartos; 46m² e um quarto; 46m² e dois quartos. Do total de unidades, seis apartamentos serão destinados às pessoas com necessidades especiais. O empreendimento ainda terá parquinho e área de lazer. A previsão de entrega é de cinco meses.

Já pelo Programa Minha Casa, Minha Vida, a Prefeitura já entregou 2.126 unidades habitacionais, sendo 1.500 no bairro Valdariosa, 220 no Belmonte e 406 no São Jorge e mais de mais de 3 mil moradias em construção, sendo 1.500 no Jardim da Fonte, 396 no Eldorado e 1.200 na Vila São João. “Vamos fazer dentro de 40 dias um recadastramento com os inscritos no Minha Casa, Minha Vida. Os dados que temos estão defasados e os sorteios passarão a ser feitos diretamente pelo Ministério das Cidades”, adiantou o prefeito Max Lemos.

Via PMQ
10/05/2016

0 comentários :

Postar um comentário